Ligação

Realizando Chamada

Ela: – Alô

Ele: – Oi! Bom dia!

Ela: – Nossa… Oi, tudo certo?

Ele: – Ficou surpresa com a ligação?

Ela: – É… Bastante. Faz tempo, né?

Ele: – Muito.

Ela: – O que? Uns meses? Foi mais ou menos na época do apagão…

Ele:- 10 de novembro de 2009. Foi no dia do apagão, faz 1 ano e 6 meses.

Ela: – Verdade. A gente meio que se afastou depois disso.

Ele: – Não. Primeiro você parou de me ligar de volta. Depois, você sumiu. Foi assim.

Ela: – Não gosto que você fale assim comigo.

Ele: – Posso começar a listar as coisas que EU não gosto?

Ela: – Foi pra isso que você me ligou?

Ele: – Não. Eu quero saber pra onde você foi, quando resolveu sumir.

Ela: – Por que? Você quer vir atrás de mim?

Ele: – Por incrível que pareça, nem tudo no mundo é sobre você. Eu quero sumir daqui, dessa vida. E, sabe, eu nunca vi ninguém sumir tão bem quanto você.

Ela: – Sinto falta dessa sua ironia. Mas, enfim, sumir? Você sempre se deu bem, sempre foi o querido…

Ele: – Aí que tá. Sempre tem alguém por perto, sempre querem ser legais. Mas poucos são mais profundos que uma colher. Essa superficialidade me enche o saco. Preciso mudar…

Ela: – Acho que eu entendo.

Ele: – Com você, não. Quando você tava comigo, era diferente. Era intenso, incerto. Não sabia nem quando você estaria por perto. Mas sempre valeu a pena.

Ela: – Você sabe que isso não faz sentido, né?

Ele: – Nunca fez. E ninguém nunca entendeu.

Ela: – Se… hmm… Você ainda estaria de saco cheio e querendo sumir, se eu ainda tivesse por aí?

Ele: – … …. Acho que você me conhece, né?

Ela: – É isso. Não quero começar isso de novo. Eu te avisei.

Ele: – Eu ainda queria saber… porque? Do nada…. sem aviso nem motivo aparente.

Ela: – Sério. De novo não. Eu avisei, lá quando começamos. Eu não me prendo, nem a lugares nem a pessoas… É só como eu sou…

Ele: – Não, você… Isso era antes, você mudou. Quando a gente estava junto, você mudou. Foi diferente daqueles outros antes…

Ela: – Não. Não foi….

Ele: – …

Ela: – …

Ele: – Volta? Pelo que você deixou pra trás…. Volta?

Ela: – *click*

Chamada Encerrada

Anúncios

5 pensamentos sobre “Ligação

  1. Diz tanta coisa, sem realmente dizer. O encanto das entrelinhas, ou seria uma “maldição”? Me pergunto se a chamada tivesse continuado…

  2. ‘Ela: – Verdade. A gente meio que se afastou depois disso.
    Ele: – Não. Primeiro você parou de me ligar de volta. Depois, você sumiu. Foi assim.’ Me identifiquei muito com esse trecho. Aliás, me vi em várias falas dessa garota. Não sei se me sinto bem ou mal por isso. De qualquer forma, adorei o diálogo. Foi como se eu pudesse realmente imaginar e ver a coversa dos dois. Muito bem escrito meeesmo. Esperarei pelos próximos! (:

  3. Perfeito de novo Bruno!

    Sabe o que é estranho…

    Ela: – Sério. De novo não. Eu avisei, lá quando começamos. Eu não me prendo, nem a lugares nem a pessoas… É só como eu sou…

    It had happened before… e não acho que seja sincero isso… só não sei o porquê disso…

    Aguardando novos xP

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s